Organização:

UMinhoFEUPFAUP
ISTBuiltColabTecMinho

Com o apoio de:

OrdemEngenheirosOrdemArquitetos

Media Partner:

ConstrucaoMagazine

cursobimHorario

Duração

Curso com um total de 90h

cursobimData

Datas

23/02/2024 a 21/06/2024

cursobimGeral

Áreas

Arquitetura, Engenharia & Construção

Curso

Motivação e Âmbito

Building Information Modelling (BIM) é um conceito inovador com aplicabilidade na indústria da Arquitetura, Engenharia e Construção que assenta numa metodologia de partilha de informação entre todos os intervenientes, durante as diversas fases do ciclo de vida de um edifício. O BIM materializa-se usualmente num modelo digital tridimensional, acessível através de software, que contém dados sobre as suas características geométricas, propriedades e atributos. Daí advêm várias vantagens para as fases de conceção, projeto, construção e operação, em que são criados novos desafios nas formas de relação entre intervenientes e nas trocas de informação.

Para a rápida adoção desta metodologia na prática profissional torna-se premente a necessidade de profissionais com competências adequadas à sua aplicação. Perante esta necessidade será iniciado um curso de formação especializada, destinado a formar BIM-Managers, aberto a profissionais mas também a estudantes de engenharia e arquitetura. Esta é já a 24ª edição do curso, refletindo o interesse da comunidade técnica pela temática BIM.

Programa Geral

  1. Introdução ao BIM
  2. Modelação paramétrica
  3. Interoperabilidade
  4. Normalização BIM
  5. BIM na arquitetura
  6. BIM na engenharia de estruturas
  7. BIM nas instalações mecânicas, elétricas e hidráulicas
  8. BIM na construção e gestão de edifícios
  9. Implementação e coordenação BIM

Metodologia de Ensino e Avaliação

O curso decorre em modalidade B-Learning, tendo em sua maiorias sessões online e algumas sessões híbridas (presencial/online). Ver mais informação em ‘Datas/horário’ e FAQ’s.

O curso desenvolve-se durante 8 semanas e contempla, de uma forma genérica, blocos de 2 dias por semana com a seguinte disposição pedagógica:

  • Aulas teórico-práticas (TP) à sexta-feira de manhã (9h-12h30)
  • Aulas práticas dirigidas por formadores à sexta-feira de tarde (14h-17h30)
  • Aulas práticas tutoriais genericamente à terça-feira ao final do dia (16h00-19h30), conforme o calendário disponível aqui.

Ao fim do curso podem ser gerados dois diferentes tipos de certificação :

  • Certificado com indicação de nível de aproveitamento no curso, para formandos que desenvolvam o trabalho prático
  • Certificado de presença, sem indicação de obtenção de aproveitamento no curso, para formandos que não desenvolvam o trabalho prático

Os trabalhos práticos são desenvolvidos em grupo e serão objeto de apresentação oral e avaliação na nona semana do curso. Para realização dos trabalhos, os formandos terão à sua disposição licenças académicas das principais aplicações BIM disponíveis no mercado. Os formandos deverão utilizar os seus computadores pessoais para acompanhamento das aulas e realização dos trabalhos.

Mais Informações

Os formadores do CursoBIM submeteram um artigo sobre o mesmo ao 2º Congresso Português de Building Information Modelling que decorreu em Maio de 2018, no Instituto Superior Técnico em Lisboa. O artigo explica a génese do CursoBIM, a sua evolução e os conteúdos programáticos, entre outros. Apesar das atas da conferência estarem disponíveis online em www.ptbim.org, os interessados poderão descarregar diretamente o artigo em questão neste link.

O CursoBIM conta já com 22 edições terminadas com sucesso desde 2014, e permite acesso à certificação “Foundation” da buildingSMART que é a única entidade que certifica competências BIM a nível global. Os trabalhos finais são apresentados de forma pública estando acessíveis algumas das gravações destas sessões em:

Qualquer interessado poderá compreender a tipologia de competências que poderá adquirir.

Carga Horária

28 horas de formação teórico-prática
62 horas de formação prática aplicada

Acreditação/Certificação

Certificado CursoBIM

A conclusão do curso com aproveitamento culminará na emissão de um certificado que conta com a chancela das instituições de ensino a que pertencem os formadores do curso (Universidades do Minho (EEng), do Porto (FEUP e FAUP) e de Lisboa (IST)). Releva-se que o verso do certificado conterá informação específica sobre a duração da formação e os conteúdos ministrados. Por solicitação dos formandos, o respetivo certificado poderá ser emitido em língua inglesa.

certificacaoCursoBIM

BuildingSMART

A buildingSMART International (bSI) é uma organização internacional que impulsiona a transformação digital do ambiente construído global e promove o Programa de Certificação Profissional bSI (The Professional Certification Program Overview – YouTube). O programa fornece uma qualificação reconhecida internacionalmente no contexto do openBIM (openBIM – buildingSMART International) e atesta o conhecimento e as habilidades de um profissional sobre os fundamentos openBIM. Um profissional com esta certificação distingue-se dos demais por ter uma acreditação internacional da mais alta aceitação e distinção, validando a sua qualificação em processos digitais e podendo impulsionar a sua carreira.

O CursoBIM é acreditado pela bSI para oferecer formação no nível “Foundation Level” (Program – buildingSMART Professional Certification) através do capítulo Português da BuildingSMART (centros certificados em: Training Providers – buildingSMART Professional Certification), onde figura a TecMinho como entidade promotora do CursoBIM). Mediante aprovação no exame, será emitido certificado pela buidlingSMART (ver detalhes em https://education.buildingsmart.org/faq/). A participação no exame será sujeita a taxa de inscrição buildingSMART, conforme indicado no FAQ abaixo.

certificacaoBS

DGERT

A TecMinho é certificada pela DGERT – Direção-Geral do Emprego e das Relações de Trabalho, que em Portugal é o organismo público que tem por missão apoiar a conceção das políticas relativas ao emprego, formação profissional, certificação de entidades formadoras, regulação do acesso a profissões e às relações laborais e condições de trabalho, incluindo a segurança e saúde no trabalho, cabendo-lhe ainda a promoção do diálogo social, a prevenção de conflitos coletivos de trabalho e o fomento da contratação coletiva.

Para consultar toda a informação sobre o Sistema de Certificação de Entidades Formadoras bem como aceder à sua plataforma electrónica clique neste link.

certificacaoDGERT

Ordem dos Engenheiros

Uma vez que o CursoBIM está acreditado pelo sistema de acreditação de formação contínua da Ordem dos Engenheiros, todos os formandos que sejam membros da OE receberão um certificado adicional neste contexto sem qualquer custo adicional.

certificacaoOE

Consultar Datas/Horário

Por favor Clique no botão ao lado para ficar a conhecer todo o planeamento do curso.

FAQ’s

Dadas as vantagens intrínsecas à utilização de metodologias BIM, cada vez mais donos de obra estão a exigir competências e objetivos BIM no contexto de concursos públicos/privados. É de antever que a curto/médio prazo este tipo de tendência se alargue a todo o mercado, tornando obsoletas as abordagens tradicionais. Refira-se também a recorrência de oportunidades de emprego em que são postas como obrigatórias competências no âmbito de “Building Information Modelling”. Cada vez mais empresas da cadeia produtiva da indústria da construção ponderam a implementação integral do BIM nos seus processos de trabalho.

Links ilustrativos:
BIM no Reino Unido – Government_Construction_Strategy_2016-20.pdf (publishing.service.gov.uk)
BIM no Reino Unido – Industrial Strategy: government and industry in partnership (publishing.service.gov.uk)
BIM na União Europeia
BIM – Jobs

O curso destina-se à obtenção de competências de BIM Manager/Coordinator, com muita orientação para a capacidade de implementação de metodologias BIM no seio de uma empresa. Essa implementação não pode ser vista numa perspetiva tradicional em que as especialidades se consideravam quase estanques entre si, laborando sequencialmente sobre um projeto. De facto, está implícita à metodologia BIM uma mudança de paradigma na forma de trabalhar, promovendo o trabalho colaborativo entre todos os envolvidos num projeto. Essa colaboração entre os vários atores leva a uma necessidade de compreensão aprofundada dos requisitos de troca de informação e da forma de coordenação. Neste contexto, torna-se fundamental a exposição de todos os formandos, qualquer que seja a sua área de especialização, à informação relativa às várias especialidades e mesmo aos próprios processos de construção e gestão de operações com BIM. Além disto, o modelo de avaliação aplicado no curso permite que, mesmo que em contacto com as várias especialidades, o aluno consiga focar na área em alinhamento com as suas expectativas profissionais.

O curso conta com uma parte prática realizada aos sábados de manhã que permite formação tutorial no âmbito da aplicação concreta da metodologia BIM num caso prático.

O trabalho prático proposto aos formandos consiste na formação de equipas com 4-5 elementos simulando uma equipa com formação de base e objetivos complementares, como por exemplo: um Arquiteto e quatro engenheiros dedicados respetivamente a estruturas, hidráulica, AVAC e construção. No trabalho prático é proposto o desafio de realização de um caso de estudo selecionado pelos próprios formandos de acordo com seus objetivos profissionais de aplicação da metodologia BIM, para o qual a componente mais importante se centra na capacidade de realização de trabalho colaborativo e noções de disciplina de modelação. Os formadores consideram que a realização do trabalho prático constitui um complemento muito importante para a consolidação e aprofundamento dos conceitos explanados durante a formação. Esta opinião foi reforçada pelos formandos da edição anterior que responderam com pontuação média de 9.4/10 à questão: “Como classificaria o trabalho prático enquanto contributo para a sua aprendizagem neste curso?”.

Apesar do corpo de formadores não o considerar recomendável, existe a possibilidade de frequência do curso sem realização do trabalho prático (é emitido apenas um certificado de frequência, sem indicação da obtenção de aproveitamento no curso).

Neste curso não é recomendada a aplicação de nenhum software em específico para materialização dos conceitos BIM. Pelo contrário, privilegia-se a oportunidade dos formandos terem contacto com o maior número de softwares possível logo experimentando múltiplas abordagens na aplicação dos conceitos BIM. Pretende-se assim proporcionar aos formandos a possibilidade de efetuarem escolhas livres a este nível, disponibilizando licenças académicas da maior parte das aplicações disponíveis no mercado. Assim sendo, este curso não inclui formação específica em nenhum software BIM.

Parte-se do pressuposto que os formandos têm a disponibilidade/apetência para explorar, ainda que de modo iniciático, o maior número de aplicações BIM. Para além dos formadores responsáveis pelos períodos letivos teóricos, o curso conta com um conjunto de monitores com experiência na utilização de softwares BIM, que terão responsabilidades nos períodos de formação prática expositiva e tutorial, e poderão esclarecer dúvidas de iniciação/utilização de software, na medida da sua experiência pessoal e na orientação e apoio à realização do trabalho prático de grupo. Esse apoio ocorre (aos sábados) por videoconferências (Zoom) ou e-mail (em horários complementares ao curso).

Por esse motivo, o objetivo do presente curso centra-se na transmissão dos conhecimentos necessários e abrangentes para executar a função de BIM Manager/Coordinator, sseja numa empresa seja num dado projeto, sendo expectável a capacidade dos formandos se familiarizarem com os softwares BIM com o apoio dos formadores. Quer pela estruturação do curso, quer pela experiência da equipa de formadores e monitores, será proporcionado um contacto próximo com os distribuidores de software, que possibilitará ao formando quer a opção avalizada pelo software que pretender explorar, quer o apoio técnico direto por parte dos distribuidores.

Apesar de não haver pré-requisitos em relação a aplicações específicas, assume-se que os formandos têm conhecimentos de nível intermédio em informática, correspondentes ao uso genérico e à aplicação das tecnologias de informação em Arquitetura e Engenharia (sistemas operativos, folhas de cálculo, processadores de texto, programas CAD , programas de cálculo/análise, etc). Este nível de literacia informática, pressupõe a capacidade de autoaprendizagem e exploração iniciática de novas aplicações ou plataformas e estará ao nível dos conhecimentos com que os alunos dos cursos de Engenharia Civil/Arquitetura terminam atualmente os seus Mestrados Integrados (ou licenciaturas).

Para além de vários livros de apoio recomendados, todos os módulos de formação compreendem conteúdos criados especificamente para o curso, e que são disponibilizados aos formandos em suporte digital (partilhado através da plataforma e-learning). Adicionalmente, são disponibilizados aos formandos as gravações da maioria das sessões letivas da edição em que estão matriculados, além de vídeos adicionais referentes a temáticas práticas do curso, como a modelação de objetos e utilização softwares específicos. Os vídeos em questão possibilitam que os formandos acompanhem os momentos de formação de forma individual à velocidade que quiserem, fora do horário letivo. Além disto, garante-se o acesso dos formandos aos conteúdos da plataforma até dois anos depois da finalização do curso.

As edições decorridas do curso resultaram em trabalhos práticos de aplicação BIM bastante interessantes, evidenciando a aquisição de competências por parte dos formandos. Dos inquéritos de satisfação realizados no final do curso para as últimas edições, realça-se a pontuação média de 9.5/10 para a questão “Recomendaria este curso?”.

Para ver algumas opiniões pessoais sobre as edições anteriores do CursoBIM, recomenda-se a consulta da secção “Testemunhos” deste website. O curso encontra-se em constante atualização face aos mais recentes desenvolvimentos BIM, bem como às sugestões dos formandos das edições transatas.

O cerne do núcleo de formadores mantém-se coerente ao longo de todas as edições do Curso.

Os princípios de funcionamento das sessões foram alterados na 3ª edição, com incorporação significativa de conteúdos ao nível da aplicação prática. Assim sendo, às sextas feiras ao final do dia decorrerá normalmente um momento de formação ‘teórica’, sendo que aos sábados de manhã decorrerão sessões práticas expositivas. As sessões práticas expositivas serão integralmente guiadas pelos formadores práticos, que mostrarão a aplicação prática dos conceitos avançados nas aulas teóricas, materializando-os em exemplos manipulados em software BIM durante as aulas práticas expositivas. Estas demonstrações práticas, que incluirão partilha de ‘templates’, ‘classes de objetos’, ‘modelos’ e ‘diagramas de processo’, entre outros, permitirão aos formandos abraçar com mais confiança e alcance os objetivos do trabalho prático proposto, e ao mesmo tempo melhor rentabilizar o período tutorial da formação. Refira-se adicionalmente que as sessões práticas expositivas incluirão vídeos ilustrativos pré-gravados e mesmo gravação dos exemplos demonstrados na aula. Isso permitirá que os formandos possam aplicar os conceitos demonstrados nestas aulas ao seu ritmo em sessões de estudo individual (evita-se o stress associado à tentativa de replicação de todos os processos durante a aula).

É também de assinalar as importantes alterações ocorridas a partir da 11ª edição, como resultado da necessidade de adaptar o curso ao ensino à distância, face às restrições inerentes ao COVID-19. De facto, as edições 11 a 14 do CursoBIM decorreram em formato integralmente online. Com a evolução recente que se tem demonstrado positiva, a coordenação do CursoBIM optou por um formato híbrido b-learning para a 15ª e 16ª Edições, com a maioria das sessões online e algumas presenciais. Esta situação permitirá trazer a dimensão pessoal ao CursoBIM, sem prejuízo dos benefícios que se observou para o ensino online, e sem restringir o acesso a formandos de regiões externas a Porto/Lisboa, que normalmente eram os locais de eleição para realização do curso.

A partir da 17ª Edição o cursoBIM incluirá, durante as sessões teóricas desenvolvidas, uma correlação direta entre os assuntos abordados no curso e questões requisitadas nos exames para a acreditação de profissionais do Programa de Certificação Profissional da buildingSMART Internacional, o que auxiliará o aluno do curso a compreensão de pontos relevantes para o exame.

O CursoBIM pode ser feito totalmente online com exceção da apresentação final dos trabalhos. O curso tem ao todo três momentos presenciais possíveis nos quais, apesar de ser fortemente encorajada a comparência presencial, esta pode ser substituída por presença remota (formação em formato híbrido nas datas correspondentes).

Os três potenciais momentos presenciais são:

  • A semana 1 de formação, nos dias 23 e 24 de fevereiro de 2024 (24ª Edição), que decorrerá no Porto na sede da Ordem dos Engenheiros da Região Norte. É importante que os formandos se conheçam pessoalmente para auxiliar a dinâmica de formação dos grupos de trabalho à posteriori. É usual no primeiro dia que os formandos usufruam e interajam bastante dos períodos de intervalo para se conhecerem melhor.
  • A apresentação pública dos trabalhos, que decorrerá no dia 18 de junho de 2024 (24ª Edição) em Lisboa na sede da Ordem dos Engenheiros. Sendo este um momento de avaliação e formação bastante importante para todos, incluindo contacto com os formadores, se considera extremamente relevante a componente presencial. Os formandos que não puderem comparecer presencialmente a apresentação final deverão apresentar justificação adequada.

Todos os formandos terão acesso à plataforma de e-learning do CursoBIM em https://elearning.cursobim.com/. Nesta plataforma serão disponibilizados todos os materiais de apoio do CursoBIM, bem como gravação da maior parte das sessões online do mesmo.

O Curso BIM é fornecido pela TecMinho (Associação Universidade-Empresa para o Desenvolvimento), entidade acreditada pela DGERT – Direcção Geral do Emprego e das Relações de Trabalho. Como tal todos os formandos do curso BIM podem deduzir no imposto sobre o rendimento singular (IRS) as despesas relacionadas com a inscrição no curso.

A próxima data para exame de acreditação da buildingSMART Internacional (bSI) promovido pelo CursoBIM será anunciada oportunamente, em Guimarães.

Para participação no exame o profissional precisa ter finalizado com aproveitamento o CursoBIM e realizado o pagamento de uma taxa de inscrição de 175 €. As condicionantes de participação dependem da edição da qual o formando participou:

  • Formandos a partir da 17ª Edição poderão solicitar o exame assim que finalizarem o CursoBIM com aproveitamento satisfatório.
  • Formandos de edições anteriores devem entrar em contacto com a organização do curso diretamente para mais detalhes (‘Contactos’).

O Decreto-Lei n.º 10/2024, de 8 de janeiro procede à reforma e simplificação dos licenciamentos no âmbito do urbanismo, ordenamento do território e indústria.

O BIM está naturalmente presente em importantes partes deste decreto. Pelo impacto, chamamos a atenção para o Artº17º:

Projetos em BIM

1 – É obrigatória, a partir de 1 de janeiro de 2030, a apresentação dos projetos de arquitetura, previstos no RJUE, modelados digital e parametricamente de acordo com a metodologia Building Information Modelling (BIM).

2 – A partir da data prevista no número anterior, a validação do cumprimento do disposto em planos intermunicipais ou municipais pelas câmaras municipais é efetuada de forma automática de acordo com os parâmetros definidos para o efeito.

3 – A 1 de janeiro de 2027 inicia-se o projeto-piloto para utilização e validação dos projetos de arquitetura referidos no n.º 1, que envolve:

  1. a) Um conjunto de municípios;
  2. b) Os projetos que ultrapassem o montante previsto na alínea a) do n.º 3 do artigo 474.º do Código dos Contratos Públicos, aprovado em anexo ao Decreto-Lei n.º 18/2008, de 29 de janeiro, na sua redação atual.

Sim. O CursoBIM é uma formação ministrada pela TECMINHO, entidade certificada pela DGERT que reúne as condições exigidas às entidades formadoras para o Cheque Formação + Digital, e por isso, elegível nesta medida. A viabilidade deste processo já foi confirmada por vários formandos do CursoBIM que conseguiram obter este apoio.

A Medida Cheque-Formação + Digital visa apoiar e incentivar o desenvolvimento de competências e qualificações no domínio digital dos trabalhadores.

É uma iniciativa que se enquadra na medida Emprego + Digital 2025 e qualquer trabalhador, independentemente da natureza do seu vínculo contratual, pode beneficiar de apoio. O apoio máximo a atribuir por destinatário/candidato e por ano (período de 12 meses a contar da data de submissão da primeira candidatura aprovada) é de 750 €.

O Cheque Formação + Digital tem um regime de candidatura aberta. As candidaturas podem ser feitas através de formulário, disponibilizado no portal do IEFP https://www.iefp.pt/cheque-formacao-digital

Equipa

Miguel Azenha

Coordenação, Formador

José Lino

Coordenação, Formador

José Granja

Formador

Francisco Reis

Formador

José Ribeiro

Formador

Vanessa Tavares

Formadora

Marta Campos

Formadora

Bruno Caires

Formador

André Monteiro

Formador

Pedro Silva

Formador

Andressa Oliveira

Formadora

Bruno Muniz

Formador

Inscrição

* Este é o número máximo nas sessões práticas tutoriais. No Entanto nas sessões expositivas e por acumulação de mais do que uma turna correspondente a edições consecutivas poderá ocorrer um número superior nas componentes teóricas da formação

Membros

1.200€

Preço único para Membros da Ordem dos Engenheiros, Ordem dos Arquitetos, Ordens Profissionais AEC ou outras associações profissionais, e Estudantes.

O processo de inscrição no curso requer o pagamento de uma caução de 300€ (não reembolsável e dedutível ao valor final).
Número máximo de formandos: 25
Número mínimo de formandos: 15

Curso completo

Normal

1.500€

Preço único para os restantes casos.

O processo de inscrição no curso requer o pagamento de uma caução de 300€ (não reembolsável e dedutível ao valor final).
Número máximo de formandos: 25
Número mínimo de formandos: 15

Curso completo

Testemunhos

Apresentam-se os testemunhos de alguns formandos da edições anteriores do Curso, bem como algumas imagens respeitantes aos trabalhos realizados.

João Henriques

“Como engenheiro projetista considero que é importante acompanhar a mudança que decorre com a adoção de uma diferente Ler Mais “João Henriques”

João Henriques
Engº Civil

André Ferreira

“A participação como aluno no I Curso BIM conferiu-me uma melhor visão da dimensão, importância e vantagem deste novo método Ler Mais “André Ferreira”

André Ferreira
Engº Civil

Fernanda Rodrigues

“A frequência da 1ª edição do CursoBIM permitiu a aquisição de conhecimentos teóricos e práticos fundamentais para se compreender Ler Mais “Fernanda Rodrigues”

Fernanda Rodrigues
Engª Civil

Francisco Bastos

“O 1º Curso BIM ministrado pela Ordem dos Engenheiros em 2014 que tive o enorme prazer em ter participado permitiu-me obter uma visão Ler Mais “Francisco Bastos”

Francisco Bastos
Arquitecto

Joana Melo

“Só me cabe dar, mais uma vez, os parabéns a esta equipa tão dinâmica, tão acessível e tão profissional! Já sabia que seria uma aposta Ler Mais “Joana Melo”

Joana Melo
Engª Civil

Luísa Madureira

“A decisão de frequentar o Curso BIM surgiu num impulso motivado pela necessidade de conhecer e aprofundar as potencialidades Ler Mais “Luísa Madureira”

Luísa Madureira
Engª Civil

Luís Ribeirinho

“Ouvi falar em BIM pela primeira vez através de um colega que, como eu, faz parte duma comissão pomposamente denominada CMIC Ler Mais “Luís Ribeirinho”

Luís Ribeirinho
Engº Civil

Vasco Santos

“A motivação para o curso BIM veio dos avanços recentes nas tecnologias das Geociências, como o Laser-Scanning e outras tecnologias Ler Mais “Vasco Santos”

Vasco Santos
Engº Geógrafo

Mário Santos

“O meu contacto com o termo BIM começou em 2011 e foi uma consequência da minha experiência, de 20 anos de actividade Ler Mais “Mário Santos”

Mário Santos
Engº Electrotécnico

João T. Viana

“Apesar de já estar familiarizado com a palavra BIM no dia-a-dia, apercebi-me do quão importante foi a formação que Ler Mais “João T. Viana”

João T. Viana
Engº Civil

Luís Neves

“A atividade de projeto é cada vez mais competitiva e exigente no rigor técnico, na quantidade de informação, nos prazos, e Ler Mais “Luís Neves”

Luís Costa Neves
Engº Civil

Sébastien Roux

“Creio que o curso BIM da OE dá as ferramentas necessárias para conseguir ter uma visão global do processo em vários formatos e locais Ler Mais “Sébastien Roux”

Sébastien Roux
Arquiteto

Galeria de Fotos

Galeria de fotografias das edições anteriores do Curso, bem como algumas imagens respeitantes aos trabalhos realizados.

Secretariado

Joana Silva
TecMinho / UMinho
Campus de Azurém
4800-058 Guimarães

Horário de Atendimento: 2ª a 6ª feira das 9h às 13h

Tel. Secretariado (+351) 91 339 36 02
Tel. Coordenação (+351) 93 840 45 54
info@cursobim.com

Newsletter

Subscrever a nossa newsletter para ficar a par de novas edições

Não foi possível guardar a sua subscrição. Por favor, tente novamente.
A sua subscrição foi bem sucedida.

Utilizamos a Brevo como plataforma de marketing. Ao clicar em baixo para enviar este formulário, o utilizador reconhece que as informações fornecidas serão transferidas para a Brevo para serem processadas de acordo com os seus termos de utiliação